Intercity Cidade Baixa: conheça este hotel no bairro mais boêmio de Porto Alegre

Edifício que é abriga o Intercity Cidade Baixa é de uso misto

Inaugurado em março de 2017, o Intercity Cidade Baixa fica no bairro que dá nome ao empreendimento. Gerido pela ICH Administradora de Hotéis, que conta com outras três unidades em Porto Alegre, o hotel tem uma localização interessante. Fica na avenida Loureiro da Silva, ao lado na UFRGS (Universidade Federal do Rio Grande do Sul) e no maior parque da cidade, Farrroupilha, também conhecido como Redenção

A duas quadras do récem inaugurado Intercity fica o cruzamento das ruas General Lima e Silva e República, famosas por agrupar dezenas de bares, cafés e restaurantes. Esses locais são os preferidos dos jovens e boêmios da cidade, e também dos turistas que circulam pela quinta cidade mais populosa do país  — 1,5 milhão no município e mais de 4,2 milhões na área metrpolitana.

Cidade Baixa: história

O bairro de Cidade Baixa, em Porto Alegre, teve suas origens fundadas pela chácara da Baronesa de Gravataí, que residia em uma mansão na propriedade. Após um incêndio, em 1879, que destruiu a construção, ela resolveu lotear e vender suas terras, que passaram a ser habitadas por escravos libertos e famílias italianas. Naquela época, a área passou a se chamar de Areal da Baronesa, em virtude da areia avermelhada existente no local. A região passou anteriormente por outras nomenclaturas como Arraial da Baronesa, Emboscadas e posteriormente Ilhota, até seu nome atual.

A rua Joaquim Nabuco foi inaugurada em na década de 1880 e dizem que era conhecida como rua Venezianos. Se presume, embora não exista comprovação, que a via sediava o famoso grupo carnavalesco Venezianos. Há registros que o carnaval da Cidade Baixa era reconhecido e prestigiado na época, com destaque para os coros que movimentavam as ruas. Deve ser por isso que a região mantém a alma alegre e concentra estudantes, intelectuais e artistas.

Realmente é muito prazeroso caminhar pelas ruas da Cidade Baixa, no final de um dia de trabalho, em busca de um bar, café ou restaurante. Pode sentar em uma mesa na calçada e ver o fluxo de pessoas caminhando, ver o agito, pessoas conversando, assistindo um jogo de futebol, em meio a gritos de gol, rodas de samba e outros grupos musicais.

Por do sol na Cidade Baixa  

Infraestrutura do Intercity Cidade Baixa

Situado em um edifício isolado de uso misto com torre de 206 conjuntos comerciais, o Intercity Cidade Baixa agrega ares de modernidade devido ao projeto de decoração da designer de interiores, Melina Romano, que utilizou sua expertise para dar o astral ao apartamentos e restaurante. Já a decoração do lobby foi realizada pela equipe da Intercity e também ficou jovial e alegre. A iluminação natural impera no espaço e nos permite ver o movimento da avenida quando estamos sentados em dos sofás da áre de convivência do hotel. A calçada larga deixa a via longe, com seu barulho de carros e outros veículos.

No mezanino, três salas formam a infraestrutura para eventos e reuniões. A maior delas (Farroupilha) pode atender até 50 pessoas no formato auditório. Já a Redenção é propícia para apoio ou reuniões de até 4 pessoas. Há ainda a sala Harmonia, que tem uma mesa para dez pessoas no formato board meeting.

Três elevadores dão acesso para o sobe e desce. E é na cobertura que estão localizados o restaurante e a academia de ginástica. Ampla, bem iluminada e recheada de equipamentos, o espaço da saúde atende muito bem as necessidades dos hóspedes que buscam o mantenimento de suas formas e condicionamento físico.

E é do rooftop que podemos ter uma vista da cidade. Os olhos alcançam as montanhas, as duas arenas, uma azul e outra vermelha, o Guaíba e o seu por do sol, o parque da Redenção e o bairro boêmio, que merece ser visitado. Da próxima vez, quando eu voltar, saberás onde posso ser encontrado. Até breve!

Confira na galeria abaixo as fotos das áreas sociais e de eventos do Intercity Cidade Baixa, cuja tradução para o inglês — downtown — nos faz ficarmos mais íntimos do empreendimento e da região.

Intercity Cidade Baixa: Experiência de Hospedagem

O Intercity Cidade Baixa conta com 228 apartamentos, distribuídos do 3º ao 18º pavimentos. Ao todo são três categorias: Premium, Luxo Superior e Standard. As diferenças são basicamente o andar no qual estão localizados e a linha de amenidades. Todos contam com ar condicionado, cofre, mesa de trabalho, minibar e aparelho telefônico.

Foi em um Premium que nos hospedamos. Compacto e funcional, a UH (unidade habitacional) atende as necessidades para uma boa hospedagem. Destaque para a possibilidade de assistir os filmes da Netflix na TV, algo ainda um pouco raro em hotéis brasileiros. As habitações Premium ficam no 16º e tem como amenidades diferenciados cafeteira, kit de amenities especiais, roupões e Smart TV. 

Os apartamentos Luxo Superior ficam nos seguintes pavimentos: 12º ao 15º, 17º e 18º. Já os Standards, situam-se do 3º ao 11º andar. As amenidades e tamanho dos quartos são as mesmos.

Veja abaixo as fotos que fizemos da nossa hosedagem.

Experiência de Gastronomia 

Além do room service, o Intercity Cidade Baixa conta com um restaurante localizado na cobertura do edifício, no 19º pavimento. O local é agradável para se estar devido a sua decoração, pé-direito elevado e terraço com vista panorâmica. Duas de suas paredes são montadas com estrutura de aço e vidro, que vão do teto o chão, propiciando a entrada de luz natural. A não proximidade de outros edifícios na parte da frente do hotel garante uma visão geral da cidade.

Montado no extenso buffet, o cafá da manhã agrada aos diversos paladares por oferecer uma variedade ampla de itens. Algumas opções quentes como pasteis integrais assados e waffles se destacam. Os pratos quentes mudam diariamente, o que é bom para hóspedes que tem uma permanência maior no empreendimento.

O cardápio de alomoço, jantar e room service é baseado nas mesmas opções que são oferecidas pelo hotel gaúcho. Balanceadas e saborosas, a lista dos pratos trafega dentre proteínas, massas, risotos, sanduíches, saladas e sobremesas.

Confira abaixo as opções que degustamos no hotel.

(*) Crédito das fotos: Peter Kutuchian/Hotelier News

Comentários