Wyndham Termas Gramado: novo marco da hotelaria na Serra Gaúcha

 

Wyndham Termas GramadoArquitetura do hotel não nega a cidade onde ele está

Primeiro empreendimento de bandeira internacional em Gramado (RS), o Wyndham Termas Resort & Spa abriu as portas no final do mês passado. A propriedade, considerada um marco para a hotelaria local, tornou-se realidade graças a uma parceria tripla. Grupo GR, Gramado Parks e a própria Wyndham uniram forças para desenvolver o projeto, que mira o segmento de lazer.

O empreendimento fica num terreno de 30 mil metros quadrados (m²), com cinco alas e 309 apartamentos. A abertura encorpa um projeto que concentra num espaço de poucos quarteirões alternativas únicas de lazer e hospedagem. A poucos passos do hotel, por exemplo, fica a construção do primeiro parque aquático indoor da cidade. Pouco mais à frente está o Snowland, parque de esportes de neve.

"Estamos fazendo história no turismo da cidade", afirma Mauro Silva, sócio-diretor da Gramado Parks. De acordo com o executivo, esse conjunto de atrações amplia o alcance da cidade gaúcha como destino turístico. Para o executivo, a completa estrutura deve despertar a atenção de visitantes de todo mundo e melhorar o fluxo de viajantes para o município.

A confiança na mudança de patamar da cidade foi o que atraiu o Grupo GR e a Wyndham, incorporadora e administradora hoteleira, respectivamente. A conceituação do hotel e de todo o combo de atrações ligadas a ele atraiu os empresários. Mais ainda, os fez abrir os cofres: o investimento total no projeto foi de R$ 120 milhões. O montante, contudo, deve chegar a R$ 150 milhões com a construção de mais uma ou duas áreas de lazer que reforçarão a estrutura já existente.

Os valores, entretanto, foram arcados por uma composição de recursos. Parte pelas empresas envolvidas, parte arrecadado com a comercialização de frações imobiliárias no sistema de multipropriedade. No caso do segundo, pouco mais de 6 mil cotas foram vendidas por preços que variaram de R$ 40 mil a R$ 89 mil.

Mesmo com o alto número de compradores, o hotel também recebe clientes que fazem reservas nos apartamentos disponíveis no pool hoteleiro. "Estimamos que algo próximo a 50% da capacidade do hotel sempre esteja no pool, mesmo com o bom número de famílias proprietárias que temos", comenta Gustavo Rezende, sócio diretor da GR.

É justamente esse mix de clientes, aliás, que forma a maior parte da clientela presente na unidade. Famílias proprietárias de frações e turistas que podem reservar por todos os meios convencionais são os responsáveis por preencher a oferta.

Wyndham Termas Gramado Resort & Spa

Nos detalhes mais relacionados ao cotidiano do empreendimento, a unidade segue impressionando. O resort é o primeiro no Brasil a ter procedimentos avançados para conquistar um selo Green Building. A certificação internacional Leed (Leadership im Energy and Environmental Design) é concedida a imóveis comprometidos com ações sustentáveis.

Esse compromisso pode ser observado tanto em ações ambientais, como de inclusão. As tecnologias ecologicamente corretas estão por toda parte. No paisagismo feito com vegetação adaptada ao microclima, passando pelo reuso de água da chuva nos vasos sanitários e irrigação, e culminando em itens e ferramentas que reduzem o consumo de água. Já na parte de inclusão, o hotel oferece quartos adaptados a portadores de necessidades especiais, bem como equipamento especial para cadeirantes terem acesso às piscinas sem auxílio.

Não são apenas as questões sustentáveis que merecem destaque no hotel. A estrutura de lazer oferece opções variadas. Nesse quesito, quase tudo o que há no hotel fica no piso 2. Ali ficam salão de jogos com mini-golfe, cinema kids, academia, sauna úmida e seca, espaço de jogos eletrônicos, bar, piscinas e ofurôs.
De volta ao piso térreo, há duas recepções (para proprietários e para hóspedes), loja de conveniência e lounge bar.

Apartamentos e restaurante

Os apartamentos são um caso à parte no resort gaúcho. Todos eles fazem jus ao caráter de lazer que o hotel valoriza. As unidades são amplas, com, pelo menos, dois ambientes. Na habitação padrão há um quarto e uma sala de estar com sofá-cama, além de banheiro e espaço com pia e secador de cabelo. Na configuração maior dos quartos, existe um quarto a mais, com duas camas de solteiro.

"Espaço e conforto foram duas preocupações desde o início do projeto e seguem assim, com o hotel já em operação", comenta Marc Balanger, anunciado recentemente como gerente geral do Wyndham Termas Gramado. Todos os quartos têm ainda, no mínimo, duas televisões e uma lareira eletrônica, que dá o clima de cidade serrana.

Por ser uma construção de estilo colonial, o hotel tem apartamentos apenas até o terceiro andar, nas cinco alas.

A principal oferta de A&B (Alimentos & Bebidas) é o restaurante Signature. O espaço fica no primeiro subsolo e funciona em todas as refeições do dia. Em almoço e jantar no regime à la carte, com pratos da gastronomia internacional e opções diferentes a cada dia.

O restaurante chama atenção pelo sua configuração que convida à integração. Há assentos em formato sofá e mesas bem próximas. A equipe do Signature também é responsável pelo atendimento nas áreas de lazer e nos bares, tanto o da recepção, como o da piscina.    

(*) Crédito das fotos: arquivo HN

Comentários